Sem Revolta

by

Quando a revolta aparece…

Cresce por dentro o perigo,
Do mal que carregas contigo,
Concitando-te a prece.

Medita e entrega-te à oração
Não reclames à esmo
Pois dentro de ti mesmo
Aguarda palpitante a solução!

Busca nos refolhos da alma
A força da paz que te acalma
E tranqüiliza teu coração!

As portas de saída da revolta
Escancaram-se à tua volta
Com as chaves do perdão!

sonetos de Nelson Morais

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: